Visita dos alunos de Logística ao Centro Histórico de São Sebastião.

Os alunos do primeiro semestre de Logística visitaram, nesta quinta-feira (04/04) os principais prédios históricos e conheceram um pouco da história de São Sebastião. O tour foi promovido pelo Instituto Supereco, dentro do projeto patrocinado pela Petrobras chamado Tecendo as Águas.

Antes do tour, os alunos tiveram uma palestra com o Turismólogo do projeto, Vagner Gonçalves que abordou diversos fatos históricos ligados a logística, como a pavimentação da estrada Rio Santos, a Construção e abandono da Estrada do Sol, a Fazenda dos Ingleses, Construção do Porto e a Instalação da Petrobrás.

A próxima atividade programada será a visita a Fazenda Santana e ao centro histórico do Bairro São Francisco, além da visita ao Sítio Arqueológico.

Fatec São Sebastião abre novas turmas o curso de Impressão 3D em 2019

Fatec São Sebastião abre novas turmas o curso de Impressão 3D em 2019

Março deu inicio a abertura de novas turmas para o curso de Impressão 3D na Fatec de São Sebastião. O primeiro minicurso foi realizado no dia 01/03 às 13h no Laboratório de Inovação da Fatec São Sebastião. O Curso é ministrado pelo Prof. Daniel Jung e monitorado pelo aluno Ernesto Paulo e possui 5 horas de duração. O foco é no aprendizado do funcionamento das impressoras 3D da Fatec e nas configurações do software de fatiamento utilizado para imprimir as peças. Ao final do curso, os alunos ficam habilitados a operar uma impressora 3D e começar a produzir seus protótipos. O curso é aberto para a comunidade em geral e a inscrição deve ser realizada na secretaria da Fatec São Sebastião. A inscrição é gratuita.

Próximas turmas:

Turma 02/2019: Dia 11/03/2019 – das 13h às 17h

Turma 03/2019: Dia 22/03/2019 – das 13h às 17h

Inscrições na Secretaria da Fatec São Sebastião

Rua Ítalo Nascimento, 366 – Porto Grande

Alunos do Projeto Asas da SEPEDI recebem certificado de conclusão do curso de informática feito em parceria com a FATEC

Aconteceu, no último dia 19 de dezembro, a entrega dos certificados de conclusão aos alunos do projeto Asas, uma parceria da Fatec com a Sepedi – Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e do idoso, que ofereceu aulas de informática aos alunos cadastrados no projetos nos laboratórios de T.I. da faculdade. A entrega foi feita em comemoração realizada na sede da secretaria e contou com a participação, além dos alunos, de todos os monitores e responsáveis pelo projeto.

Além do espaço físico, a Fatec também ficou responsável pelo monitoramento dessas aulas e, para tanto, destacou quatro monitores responsáveis em acompanhar o aprendizados dos participantes. Ao todo foram cerca de 20 alunos, todos com alguma deficiência ou dificuldade de aprendizagem que, em detrimento do problema, tiveram a chance de aprender noções básicas de informática.

De acordo com o diretor Geral da Fatec, Prof. Ms. Daniel Jung, o projeto foi muito gratificante, especialmente por conta dos alunos serem portadores de deficiência, o que tornou a experiência singular para os monitores envolvidos. “Não só os alunos conseguiram se desenvolver com o projeto. Fiquei impressionado em como os monitores amadureceram e evoluíram em contato com eles. E esta evolução não foi só técnica e profissional, mas também pessoal. Esses alunos especiais foram deram verdadeiras lições de vida a todos nós. É o tipo de projeto que vai muito além do que se propõe. Estamos muito felizes por podermos participar e esperamos que para o próximo ano o número de participantes aumente ainda mais.

Alunos do curso de informática recebem certificados dos monitores da Fatec e funcionários da SEPEDI em festa na sede da Secretaria.

Fatec S.S realiza de cursos de capacitação para os docentes

Este ano letivo na Fatec São Sebastião foi marcado pela realização de várias capacitações para os professores.

Ainda no início do ano, no mês de março, ocorreu o curso de capacitação em Design Thinking. Que se trata de uma nova abordagem para ser utilizada em sala de aula, que busca a solução de problemas de forma coletiva, sob uma perspectiva de empatia, que consiste em tentar mapear e mesclar a experiência cultural, a visão de mundo e os processos inseridos na vida dos indivíduos, no caso os alunos, com o objetivo de obter uma visão mais completa na solução de problemas. Tal método colabora tanto com relação aos assuntos pertinentes às disciplinas em sala de aula, como aos obstáculos que possam aparecer na vida em geral.

Em julho aconteceu outro curso para os docentes, desta vez a capacitação em Metodologias Ativas, que é uma nova concepção educacional que coloca os estudantes da graduação como principais agentes de seu aprendizado. Nela, o estímulo à crítica e reflexão é incentivado pelo professor que conduz a aula, mas o centro desse processo é, de fato, o próprio aluno, que tem a oportunidade de aperfeiçoar sua autonomia e capacidade cognitiva.

Em agosto foi a vez do curso de capacitação Think Tank, ou fábrica de ideias, que consiste em ensinar como se formar grupos de reflexão, para análise de assuntos sob diversos eixos temáticos. Desta forma, sendo utilizado em sala de aula, o método permite influenciar na opinião dos alunos, sobre as alternativas às questões que envolvem os temas em pauta e, assim, transformá-los em novos formadores de opinião.

Os resultados das capacitações já puderam ser notados e comentados pelos alunos no decorrer do ano, uma vez que vários professores, já passaram a dotar as novas propostas de ensino que lhes foram apresentadas.

Curso Think Tank

Curso Think Tank

Curso metodologias Ativas

Curso Desing Thinking

Fatec São Sebastião participa do IV IFLOG em Suzano

A Fatec São Sebastião participou do último IFLog, realizado nos dias 24 e 25 do último mês. O IFLog é um Congresso Internacional de Logística, no qual são apresentadas palestras com especialistas na área, minicursos, mesas-redondas, exposições de projetos de pesquisa e exposições de empresas. Além disso, o evento é uma oportunidade para troca de experiências profissionais e científicas na área de Logística e Operações.

Foram cerca de 20 alunos da Fatec São Sebastião que viajaram até Suzano, a 51 km de São Paulo para apresentação de seus artigos científicos.

Os alunos Silvana Toledo e Bruno Lima Pacheco apresentaram o “Estudo qualitativo da travessia de balsas entre Ilhabela e São Sebastião. “O uso de ferramentas da Comunicação Interna na conscientização de usuários dos serviços de saúde pública, na UPA de São Sebastião”. “Aquabus, como meio de transporte aquaviário na cidade de Ilhabela”, foi o tema do artigo das alunas e irmãs Daniela e Estela Souza Miranda. “O marketing na Cultura Geek” foi apresentado pelos alunos Carolina Audácio e Henrique Andrade.

O tema “A comunicação como ferramenta na Gestão de Pessoas, na UPA de São Sebastião”, foi apresentado pelas alunas Jaqueline Rizzi Tadiello e Adriana Puertas e “As barreiras comerciais e o impacto nas exportações brasileiros”, foi o tema do artigo apresentado por Bruno Pereira Prudente. Já os alunos Anaelson Queirós e Luciana Azevedo apresentaram o artigo “Análise preliminar de viabilidade de implantação de um transporte público aquaviário no trecho de Caraguatatuba – São Sebastião”.

A aluna Thalia Ferreira da Silva foi ao congresso apresentar seu artigo “Análise da viabilidade da implantação do sistema Radio Frequency Identification no inventário da Fatec São Sebastião”.

E, ainda, os temas “O despachante aduaneiro como facilitador para micro e pequenas empresas brasileiras no Comércio internacional”; “Análise do sistema de gerenciamento de armazém da empresa Pão de Açúcar e sua relevância no comércio varejista de São Sebastião” e “O uso do Aeroporto de São José dos Campos e a demanda sem ID” foram desenvolvidos nos artigos das duplas Matheus e Reginaldo, Ewerton e Viviane e Daimon e Felipe, respectivamente.

Pela diversidade dos temas e envolvimento dos nossos alunos, mais uma vez a Fatec São Sebastião se destacou em suas participações em congressos.

“O segredo do sucesso é a constância do propósito! Fomos firmes e fortes para mais esse congresso. Só alegria e orgulho de pertencer a esse time!”, declarou a professora Alciene Ribeiro, que acompanhou os alunos no segundo dia do evento.