Projeto Asas da SEPEDI agora em parceria com a Fatec

A Fatec São Sebastião passou a integrar o Projeto Asas, da Secretaria da Pessoa com Deficiência e do idoso (SEPEDI). A partir de agora, as aulas de informática aos alunos cadastrados no projeto, são ministradas nos laboratórios de T.I da faculdade.

O projeto ganhou ainda a participação de quatro monitores da Fatec, Ernesto Paulo Claudio Valente e Jade Torres Branco, que são voluntários e Emílio Sangiorgi Mota e Eric Rocha Lorossu, monitores remunerados pela unidade de ensino, que orientam e auxiliam os participantes do projeto. Ao todo são cerca de 20 alunos, todos com alguma deficiência ou dificuldade de aprendizagem que, em detrimento do problema, estão tendo a chance de se integrar ao universo da informática, tão importante no contexto atual.

De acordo com Ernesto Paulo tem sido fantástico trabalhar neste projeto. “É algo totalmente , diferente de tudo que eu já fiz. Dar a chance a essas pessoas tão especiais de serem incluídas na era digital não tem preço!”, afirmou o monitor.

A parceria da Fatec neste projeto só foi possível graças ao empenho do Prof. Fábio Lippi, responsável pela área de T.I da instituição, que de pronto acolheu a ideia da SEPEDI.

A Fatec já possuía o curso de inclusão digital, coordenado pelo Prof. Ms. Adriano Pandolfi, há pelo menos dois anos e com essa nova modalidade abre ainda mais o leque de oportunidades oferecidas à comunidade. “Estamos muito felizes por podermos participar desse projeto tão gratificante de inciativa da Prefeitura”, comenta Lippi.

A Fatec também irá dar suporte, em seus laboratórios de T.I ao projeto de inclusão digital para idosos, também iniciado pela mesma secretaria. “Achamos importante estas parcerias com a municipalidade, pois assim também temos a oportunidade de praticarmos nosso papel social, oferecendo boas oportunidades à população da cidade. É muito gratificante”, declarou o Diretor Geral da Fatec S.S. Prof. Ms Daniel Jung.

Fature Fatecoins indicando amigos para nosso vestibular

Aluno da Fatec ganha bolsa do Banco Santander e vai cursar próximo semestre numa universidade de Portugal

O aluno Luan Nascimento, do 3º semestre do curso de Gestão Empresarial da Fatec S.S. conseguiu uma bolsa de intercâmbio do Banco Santander, que possui inúmeros tipos de convênios para intercâmbios de estudantes brasileiros em países como Argentina, Espanha, Chile, México e Portugal.

O Programa Santander Bolsas Ibero – Americanas para estudantes de Graduação, que tem parceria com a Fatec, é o tipo de intercâmbio que consiste em conseguir e regularizar a vaga, além de pagar o curso numa universidade estrangeira. O aluno brasileiro deve, nesse caso custear as outras despesas, tais como, moradia, alimentação, passagens etc.

“De qualquer forma, facilita muito a vida da gente, pois já vamos prá lá com tudo arrumado!”, comenta o aluno.

Luan também explica que, as matérias que ele cursará enquanto estiver no intercâmbio poderão ser validadas na Fatec e ele, assim, não perderá o semestre por estar viajando. Aliás viajar é o verbo que no momento mais ocupa seus pensamentos. Luan vai estudar na Universidade de Aveiros, em Portugal, então, além daquele país, pretende ter tempo para conhecer outros lugares da Europa, tais como cidades importantes da França, Espanha e Inglaterra.

Para conseguir a bolsa, segundo ele, não foi difícil. O aluno conta que soube dessa oportunidade vendo os editais da Fatec, publicados no site do Centro Paula Souza, entrou no link do programa e se inscreveu. Os critérios para esse tipo de programa são o rendimento acadêmico e o conhecimento em língua estrangeira. Pouco tempo depois, Luan recebeu o comunicado de que havia conseguido a vaga. “Bastou tentar!”, resume.

“Quero vivenciar ao máximo a cultura europeia. Tenho certeza que isso irá agregar muitos pontos ao meu currículo, fora que será uma experiência única. Estou muito feliz por esta oportunidade que estou tendo, por ser aluno da Fatec!”, comemora.

Fatec São Sebastião realiza a Semana Tecnológica 2018

A Semana Tecnológica 2018 da Fatec São Sebastião, que aconteceu do dia 8 ao 11 deste mês, com apresentações, palestras e oficinas nos períodos da manhã e noite, contou com temas diversos que privilegiaram o empreendedorismo e questões voltadas à logística na região e no Brasil, além de atividades práticas, como elaboração de currículos, utilização da calculadora HP12, impressão em 3D; Sketchup Básico, entre outras, tudo pensado e organizado com o objetivo de enriquecer o aprendizado dos alunos.

Nas palestras os temas proferidos foram: Coworking e Economia Criativa, explanado por Marcelo Forastieri; A logística Integrada à Operação Portuária, apresentado por Felipe Zangalo; Porto de São Sebastião: oportunidades de desenvolvimento regional, por Paulo Garrido; E-social: O que você deve saber!, por Omar Hadura Orra Jr.; White Label Hospitality,  por Heiko Obermuller e Empreendedorismo através dos aplicativos,  por Bruno Tiveron, do aplicativo “Litoral na mesa”.

Foram apresentados ainda outros temas, como: E-commerce e marketing digital, proferido por César Rodrigues; Transporte rodoviário de cargas no Brasil, Mariana Kamiguchi Varajão; Perfil de empresário: Desafios e oportunidades, por Edson Pavão; Mapas Mentais e conceituais, Prof. Altivo; e Desafios do pequeno empreendedor no Litoral Norte, por Marcelo Negrão.

As oficinas privilegiaram a prática de atividades ligadas à prática profissional dos futuros gestores e às novas tecnologias. Dentre as quais, destacam -se, a oficina Internet das coisas de Michel Ronie dos Santos; Oficina de Curriculum, da Profa. Me. Keissiene Bragantim; Sketchup Básico e Impressão 3D com Prof. Fábio Lippi e o Arquiteto Ernesto Paulo, que também é aluno de logística na instituição; O Uso da HP12, com o Prof. Ms. Acyr Freire e PDCA- Plano de Negócios, com o Prof. Ms. Daniel Jung.

As inscrições foram feitas mediante a doação de um quilo de alimento não perecível.  Ao todo foram arrecadados aproximadamente 200kg –  20 cestas básicas –  que serão doadas, juntamente com o Fundo Social, a famílias com alta vulnerabilidade do município.

Acompanhe o Ranking dos Projetos no Fatecoins

Veja o ranking dos investimentos de Fatecoins nos projetos cadastrados. Foram mais de 40 projetos cadastrados, dos quais 16 receberam investimentos e estão listados no ranking por ordem de Fatecoins investidos.

“A primeira rodada de investimentos apresentou baixo índice, pois o investidor prefere projetos que tenham informações mais detalhadas, uma vez que o risco do investimento nesta fase é maior.”, disse Prof. Fábio Lippi.

“Acreditamos que a segunda rodada de investimentos irá mexer muito com este ranking, considerando que os projetos já se encontrarão mais avançados e com maiores informações.”, prevê o Prof. Daniel Jung.

A segunda rodada de investimentos tem uma  janela de 7 dias, abrindo no dia 22 e encerrando no dia 29 de outubro.

Acompanhem os projetos e fiquem atentos para realizar os investimentos.

Fatec de São Sebastião completa 10 anos

A Fatec São Sebastião comemora, no próximo dia 18 de setembro, seu aniversário de 10 anos de criação.

Ao longo desse tempo, a instituição, que começou com o curso de Gestão Empresarial, ampliou suas opções com os cursos de Gestão Portuária e Logística, e hoje possui cerca de 500 alunos. Para os próximos semestres, ainda, planeja a abertura de novos cursos, na área de Tecnologia de Informação e de Equipamentos Aquáticos, o qual será um curso pioneiro no CPS.

Além do aumento dos cursos de graduação, a Fatec vem se destacando em suas participações em congressos e eventos acadêmicos, tanto no Estado como em outras regiões do Brasil. Vários dos alunos da Fatec São Sebastião já viajaram para apresentarem seus projetos de pesquisas e artigos em congressos até de nível internacional e a cada semestre aumenta a produção de trabalhos acadêmicos, rendendo à instituição premiações por se colocar entre as instituições com maior número de trabalhos inscritos.

A Fatec de São Sebastião também ganha notoriedade com o oferecimento de cursos diversos, abertos à comunidade local, como exemplo, o de Inclusão Digital, destinado a todos que querem melhorar seus conhecimentos a respeito das ferramentas do Office e que, nesse semestre, já conta com mais de 20 inscritos.

Outro destaque são as parcerias com as empresas da região, como por exemplo com a Pronave, empresa de operações portuárias, que permite aos alunos da Fatec acesso irrestrito ao Porto para o acompanhamento das atividades lá realizadas, a fim de desenvolverem suas pesquisas de campo.

Segundo o diretor Geral da instituição, Prof. Daniel Jung, a Fatec se destaca, principalmente, por contribuir com o desenvolvimento social da região.

“A Fatec hoje é um dos principais instrumentos na melhoria da qualidade econômica e social de nossa região, pois, ao oferecer um ensino público, de qualidade, entregamos à sociedade profissionais bem preparados para o mercado e colaboramos, assim, para o desenvolvimento do Litoral Norte. É esse grande papel social da nossa instituição que nos traz tanto orgulho”, declarou Jung.

Em comemoração ao seu 10º aniversário, será inaugurado um novo laboratório de informática. E para lembrar momentos e pessoas que passaram pela

faculdade e colaboraram com seu crescimento, foi preparado um Memorial Fotográfico da Fatec, que ficará exposto durante todo o mês desta comemoração.